Pesquisar este blog

Set's by Dj Artemix:

quinta-feira, 17 de maio de 2012

Espaço Rap - Coleção Completa (Rádio 105 FM)

Gênero: Hip Hop/Rap
País: Brasil
Ano: Vários

Comentário: Hoje muito se fala na explosão do 'novo hip hop', da 'nova cara do rap nacional' e mais um monte de coisas (ótimas por sinal), mas o melhor é que na maioria das vezes o rap de caras como Xis, MV Bill, Rappin´ Hood, Sabotage e outros são sempre tido como referências, e jamais esquecidos, até porque todos fazem parte de uma cena nem um pouco distante (em relação a 'tempo') da atual.
Mas e grupos como Facção Central, Racionais MC's, Face da Morte, Detentos do Rap e também outros que conseguiram a façanha de muitas vezes criarem polêmicas com suas letras (das quais na grande maioria das vezes não passa da realidade) e serem vistos como, literalmente, pessoas ruins? Não é viagem, eu sei disto, pois cresci numa sociedade onde ouvir/fazer rap é coisa de bandido. Não que a contraparte também não tenha seus pontos baixos, têm até demais, como por exemplo estes vários manos que ouvem V.L. e sabem todas as letras de cor, mas na real acham um máximo ser ou parecer um bandidão. Decorou as letras mas não absorveu nada.

O que faz muitas vezes com que estes grupos sejam discriminados não é somente sua origem humilde ou antecedentes criminais, mas sim pelos seus próprios ouvintes — algo que ocorre inclusive em quaisquer outros gêneros.
Não vou dizer que todas as ideias lançadas pelos caras sejam aproveitáveis, eu mesmo discordo de uma pá de pensamentos deles. Mas é ouvir pra conhecer.

Mas deixando o falatório de lado, quanto à compilação, ela repete grupos e rappers e tão somente inclui músicas que tocaram na rádio 105 FM de São Paulo. Então pode estar faltando uma galera aí, claro, embora eu tenha gostado demais pois pude conhecer melhor a cena (já que na época não ligava pro gênero) e relembrar velhas canções que estouraram quando eu ainda era um guri. Vale muito a pena.
Mas e grupos como Facção Central, Racionais MC's, Face da Morte, Detentos do Rap e também outros que conseguiram a façanha de muitas vezes criarem polêmicas com suas letras (das quais na grande maioria das vezes não passa da realidade) e serem vistos como, literalmente, pessoas ruins? Não é viagem, eu sei disto, pois cresci numa sociedade onde ouvir/fazer rap é coisa de bandido. Não que a contraparte também não tenha seus pontos baixos, têm até demais, como por exemplo estes vários manos que ouvem V.L. e sabem todas as letras de cor, mas na real acham um máximo ser ou parecer um bandidão. Decorou as letras mas não absorveu nada.
O que faz muitas vezes com que estes grupos sejam discriminados não é somente sua origem humilde ou antecedentes criminais, mas sim pelos seus próprios ouvintes — algo que ocorre inclusive em quaisquer outros gêneros.Não vou dizer que todas as ideias lançadas pelos caras sejam aproveitáveis, eu mesmo discordo de uma pá de pensamentos deles. Mas é ouvir pra conhecer.
Mas deixando o falatório de lado, quanto à compilação, ela repete grupos e rappers e tão somente inclui músicas que tocaram na rádio 105 FM de São Paulo. Então pode estar faltando uma galera aí, claro, embora eu tenha gostado demais pois pude conhecer melhor a cena (já que na época não ligava pro gênero) e relembrar velhas canções que estouraram quando eu ainda era um guri. Vale muito a pena.

2 comentários:

  1. Sou Rap Canto e Conpositor Ja Venho a Varios Anos Dedicado Meu Trabalho....Sou Realista Não Gosto De Potoca... Meu Papo e Reto...
    Não Fantasio a Realidade e Sim Mostro o Que é Realidade Da Periferias...
    http://palcomp3.com/IMPACTOMCY/

    ResponderExcluir

Receba via e mail:

k. Michelle